Skip to main content

poliTICs 06 - março 2010

Versão para impressãoSend by emailVersão PDF

poliTICs 06

Em resposta ao potencial libertário da Internet, as práticas de cerceamento à liberdade seguem firmes e fortes em muitos países, como mostra o relatório de 2010 de Repórteres sem Fronteiras, cuja introdução traduzimos para esta edição da poliTICs.

Mesmo em democracias ocidentais as tentativas de censura e vigilantismo são recorrentes, muitas delas justificadas por discursos conservadores, como mostra o artigo produzido pelas pesquisadoras do Observatório de Sexualidade e Política.

O limiar nebuloso entre o potencial libertário das tecnologias de informação e comunicação e os mecanismos de controle embutidos em sua própria arquitetura são foco da análise de Hernán López-Garay, que oferece uma reflexão baseando-se nas visões de Heidegger e Giddens sobre as relações do ser humano com a tecnologia.

Uma experiência importante sobre o uso da Internet para a ampliação do acesso ao atendimento médico e para a intensificação de pesquisa na área de saúde é apresentada no artigo sobre a Rede Rute – a Rede Universitária de Telemedicina. Fechando esta edição, compartilhamos a versão em português do Manifesto do Domínio Público, que define este conceito e delineia princípios para sua concretização – uma pré-condição para o acesso livre e pleno à cultura e ao conhecimento.

 

Esperamos que você aprecie a leitura, participe e opine.

Um abraço,

Graciela Selaimen - editora da poliTICs

 

--->